Webmail

Convênios

Acesse aqui os convênios conquistados pela APCD de Franca para seus associados.

Aniversariantes

A APCD parabeniza a todos os associados que estão aniversariando e deseja felicidades e muitas alegrias nesta data. Acesse Aqui


Curriculos


Home Acontecimentos Distúrbio do sono atinge mais mulheres na pós-menopausa
Distúrbio do sono atinge mais mulheres na pós-menopausa PDF Imprimir E-mail
Qui, 15 de Setembro de 2016 16:02

Uma pesquisa com 407 mulheres, realizada pelo departamento de psicobiologia da Escola Paulista de Medicina (Unifesp), constatou que com o envelhecimento natural da mulher há a perda da função ovariana e uma série de consequências negativas à saúde, sendo as disfunções respiratórias do sono, como a síndrome da apneia obstrutiva do sono (SAOS), muito relevantes no contexto clínico.

Segundo os especialistas, a SAOS é um distúrbio de sono que acomete um terço da população, em qualquer período da vida, mas principalmente mulheres após a menopausa.

Essa síndrome é caracterizada, explicam os pesquisadores, pelo colapso repetitivo, parcial ou completo da via aérea superior. Durante o sono, esse distúrbio promove mudança no padrão ventilatório e aumento na frequência de despertares.

Resultado – Os autores do estudo observaram que 68,4% das mulheres que tiveram o diagnóstico confirmado para o tipo mais grave desse distúrbio de sono estavam em pós-menopausa tardia.

Além disso, descobriram que a medida de 87,5 cm de circunferência de cintura foi capaz de identificar voluntárias que tinham a SAOS em relação às mulheres que não tinham o distúrbio de sono, com uma taxa de acerto superior a 75%.

Daniel Ninello Polesel, farmacêutico e autor da pesquisa, descreve o resultado de sua tese de doutorado e explica que o estudo apresenta uma evidência científica elevada, pois a amostra foi representativa da cidade de São Paulo, de acordo com idade, gênero e estado socioeconômico.

“Havia evidências científicas que sugeriam que a queda nos hormônios femininos, característico da pós-menopausa, causaria o aumento da frequência de SAOS. E de fato, nosso estudo comprovou essa suspeita, demonstrando o potencial negativo do hipoestrogenismo, decorrente da diminuição nos níveis de estradiol, no sono e aumento da SAOS em uma amostra representativa da maior metrópole brasileira”, explica Polesel.

Outro ponto importante, segundo o pesquisador, foi identificar variáveis que podem ser usadas com maior precisão no diagnóstico de distúrbio de sono nessas mulheres, como medidas antropométricas, principalmente o índice de massa corporal e a circunferência de cintura.

“Nesta avaliação, a circunferência de cintura se mostrou mais relevante”, diz.

A medida encontrada pelos pesquisadores é muito próxima àquela considerada como referência em outras doenças, como a síndrome metabólica (88 centímetros).

“Esse resultado vai ao encontro da busca internacional por biomarcadores simples, baratos e eficientes, devido à sua facilidade, praticidade e boa taxa de acerto ao discriminar uma grande quantidade de indivíduos, suspeitos ou não da doença”, diz o autor.

Segundo ele, a definição de uma medida referencial da circunferência de cintura para a avaliação do risco de apneia traz benefícios imediatos para a saúde da mulher, tanto no sistema público, como no privado.

As diferenças encontradas foram potencialmente relacionadas à obesidade, identificada pela circunferência da cintura, e pelo processo natural do envelhecimento e dos fatores hormonais, estágios pós-menopausais. O acréscimo de cada centímetro na circunferência da cintura representou um aumento de 6% na razão de chance para apresentar a disfunção.

Menopausa e alterações – A frequência dos distúrbios de sono aumenta a partir da transição menopausal e do estágio de pós-menopausa tardia. Dentre as queixas mais relevantes relacionadas ao sono estão: a insônia, a baixa eficiência de sono, dificuldade de manter o sono, a irregularidade no padrão respiratório, sensação de ‘ondas’ de calores e suores frequentes.

Fisiologicamente, o período de transição menopausal e pós-menopausa são parte do processo natural de envelhecimento da mulher. Por isso, a circunferência de cintura pode ser um parâmetro indicativo de necessidade de alteração por intervenções médicas e a escolha de hábitos de vida mais saudáveis.

A médica ginecologista Helena Hachul de Campos, pesquisadora na área de sono na mulher e orientadora do estudo, explica que o início desses sintomas está diretamente relacionado com a queda da concentração dos hormônios estrogênio e progesterona, ambos decorrentes da falência ovariana.

“A partir da queda hormonal, que é fisiológica, o organismo feminino fica sujeito a consequências negativas a saúde, como o desenvolvimento de osteoporose, alterações qualitativas na pele, aumento do risco cardiovascular e da incidência de distúrbios respiratórios do sono.”

 

Fonte: www.unifesp.br/ Mariane Santos

 

Colaboradores


Fornecido por Joomla!. Designed by: Free Joomla 1.5 Theme, cc top level domain. Valid XHTML and CSS.

The dial is replica watches made of bright dark blue sapphires, with 144 brilliant cut diamonds set in the center of the replica watches uk dial, and 58 Wesselton diamonds set in 18k white gold bezel to replica watches sale brighten the starry blue night sky. Montblanc Bao Xi series of external frame Tourbillon thin watch with festive festival bloom dazzling light, bright and elegant, "Bao Xi female" Radiant look and replica watches online self-confidence and independence.