Webmail

Convênios

Acesse aqui os convênios conquistados pela APCD de Franca para seus associados.

Aniversariantes

A APCD parabeniza a todos os associados que estão aniversariando e deseja felicidades e muitas alegrias nesta data. Acesse Aqui


Curriculos


Home
O impacto das drogas na saúde bucal PDF Imprimir E-mail
Escrito por APCD Franca   
Ter, 28 de Junho de 2016 17:37

Infelizmente, as drogas vêm se tornando cada dia mais comum, principalmente pela facilidade de acesso que muitos jovens encontram. Seja por qual for o motivo, todos sabem que os efeitos são drásticos e que a recuperação não é nada fácil.

Além dos inúmeros problemas que elas podem causar, quando o assunto é saúde bucal a realidade não é diferente, problemas periodontais são frequentes em consultórios de odontologia, casos que vem aumentando drasticamente. Alguns sinais podem ser facilmente observados na hora da consulta, permitindo ao cirurgião-dentista, identificar que o paciente faz uso de entorpecentes. Porém, cada substância causa um efeito diferente à saúde bucal, por exemplo:

Álcool: Por ser uma substância que desidrata pode provocar irritação na mucosa bucal e despertar a sensação de ardência e secura da boca. Além disso, favorece o mau hálito, tanto pelos efeitos bucais gerados, como pela agressão ao aparelho digestivo/fígado.

Tabaco: Por conta do fumo, pacientes com gengivite tem até quatro vezes mais chances de ter a doença evoluída para perda de osso ao redor dos dentes (periodontites) o que pode ser fatal para a fixação dos dentes nas arcadas. Também existem evidências da relação entre o câncer bucal e o tabagismo. Na fumaça do tabaco já foram detectadas mais de 60 substâncias carcinogênicas.

Maconha: Como droga ilícita, “pode se relacionar a queimaduras na mucosa bucal, xerostomia e diminuição na osseointegração de implantes”.

Cocaína: Devido ao seu alto poder vasoconstrictor, “pode causar perfurações no septo nasal e palato duro e necrose na mucosa e osso alveolar quando esfregada na gengiva”.

Inalantes: Efeitos alucinógenos e de depressão do sistema nervoso central podem dificultar a rotina das pessoas e o poder de concentração para coisas simples e fundamentais a saúde, como higienizar os dentes ou retornar ao dentista para manutenções e avaliações de rotina. Além disso, tal qual o cigarro, podem minar as defesas orgânicas, diminuir o fluxo normal de saliva e abrir espaço para o surgimento e a piora de doenças bucais pré-existentes como cárie e gengivites.

Estimulantes: Este tipo de substâncias pode causar erosão nos dentes, ressecamento da mucosa da cavidade bucal e maior incidência de descamação gengival.

O coordenador do curso de especialização de Periodontia da Associação Nacional de Estudos Odontológicos (Aneo), e consultor científico da Associação Brasileira de Odontologia (ABO), Rodrigo Guerreiro Bueno de Moraes, afirma que  uma grande parte das drogas podem trazer repercussões indesejadas aos dentes, boca e seus tecidos: “Recentemente, a Federação Dentária Internacional (FDI) listou mais de 700 drogas e formulações que podem trazer transtornos de fluxo salivar, por exemplo. Sem falar no potencial hiperplásico para gengivas e mucosas, a partir de algumas drogas – caso de anticonvulsivos”.

Seguindo esta premissa, Moraes também diz que “O papel do cirurgião-dentista, ao constatar que um paciente é viciado em drogas, como todo profissional da saúde, é intervir e questionar abertamente para orientar à busca de tratamento especializado em saúde, com profissionais aptos a lidar com a situação. Médicos, psiquiatras e psicólogos fazem a diferença nesta trama multidisciplinar voltada ao apoio à saúde do dependente químico”.

Portanto, é fundamental que os profissionais da área odontológica conheçam as causas e sintomas das principais drogas lícitas e ilícitas, além de auxiliar no combate ao consumo de alimentos e bebidas que prejudicam os tratamentos na anamnese, antes de qualquer tratamento.

Fontes: Dental Cremer

 

Colaboradores


Fornecido por Joomla!. Designed by: Free Joomla 1.5 Theme, cc top level domain. Valid XHTML and CSS.

The dial is replica watches made of bright dark blue sapphires, with 144 brilliant cut diamonds set in the center of the replica watches uk dial, and 58 Wesselton diamonds set in 18k white gold bezel to replica watches sale brighten the starry blue night sky. Montblanc Bao Xi series of external frame Tourbillon thin watch with festive festival bloom dazzling light, bright and elegant, "Bao Xi female" Radiant look and replica watches online self-confidence and independence.